Publicidade

O TEMPLO QUE SURGIU DE UM SONHO


Histórias de Brasilia - maio 5, 2017

Em 1883, Dom Bosco, o santo italiano fundador da Ordem dos Salesianos, teve um sonho em que previa o surgimento da terra prometida entre os paralelos 15 e 20. Juscelino Kubitschek acreditava que essa profecia falava sobre Brasília e a citava constantemente durante o planejamento da cidade. Acontece que Israel Pinheiro, diretor da Novacap e braço direito de JK na empreitada, não concordava com a capital naquela posição. Quando foi finalmente convencido, Pinheiro, que era muito religioso, pediu a construção de uma capela em homenagem ao santo, para que ele protegesse a nova cidade.

Surgiu, então, a Ermida Dom Bosco, o primeiro templo de alvenaria construído em Brasília, exatamente há 60 anos, antes mesmo do Lago Paranoá existir. Ela foi projetada por Oscar Niemeyer e tem a forma de uma pirâmide de base inclinada, revestida de mármore e com uma cruz metálica no topo.

Com a inauguração da cidade, proclamou-se Dom Bosco padroeiro de Brasília ao lado de Nossa Senhora Aparecida. Em 1962, ano de sua beatificação, uma imagem do santo veio da Itália e foi colocada dentro da Ermida, onde está até hoje.

E a ligação de Dom Bosco com a capital não para por aí. A Ordem dos Salesianos, aquela fundada por ele no século XIX, foi a primeira ordem religiosa a chegar ao Distrito Federal e já estava nos acampamentos dos trabalhadores desde 1956, bem no início das obras.